Home / Entretenimento / Associação Protetora dos Desvalidos (SPD) recebe o artista Sérgio Amorim em mostra coletiva

Associação Protetora dos Desvalidos (SPD) recebe o artista Sérgio Amorim em mostra coletiva

Com foco em resgatar a história, a exposição acontece durante todo o mês de novembro e conta com a participação de mais de 20 artistas.

Em celebração ao mês da consciência negra, a Associação Protetora dos Desvalidos (SPD) recebe a mostra coletiva ‘Vivedores de Ganho, Ontem e Hoje!’, como parte do projeto Arte e Ancestralidade, uma parceria entre a arte e a história. O vernissage acontece no próximo dia 31 de outubro, para convidados, com abertura para visitação entre os dias 1 e 30 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h30 e das 14h às 16h30, e aos sábados das 9 às 11h30 na Associação Protetora dos Desvalidos (SPD) – Largo do Cruzeiro de São Francisco, 17, Centro Histórico de Salvador.

A mostra, idealizada pelo Ateliê Sérgio Amorim Artes, acontece durante todo o mês de novembro e apresenta, através das artes visuais, a ancestralidade e a contemporaneidade de sobrevivência do povo brasileiro e do trabalhador, em sua maioria descendentes de negras e negros escravizados, em paralelo com as profundas consequências sociais e econômicas que assolam nosso país.
A SPD, instituição que sedia a exposição, foi a primeira organização civil negra no Brasil, fundada em 1832 por Manoel Victor Serra, um africano livre, que vivia de ganho, comercializando água nas imediações da Ladeira Preguiça, e funciona desde o início do século XX, em um casarão azul, próximo ao Cruzeiro de São Francisco no Centro Histórico de Salvador.

No Brasil, a associação se destaca por guardar a história de sobrevivência dos negros e, atualmente, é presidida por Ligia Margarida Gomes, primeira mulher eleita presidente da associação em toda a sua história.
A exposição, que tem como objetivo contribuir com a SPD, recebe a mostra idealizada e com curadoria de Sérgio Amorim, Luzimar Azevedo, Adinelson Filho e Yara Guedes.

Para a exposição, a SPD recebe obras de 29 artistas, são eles: Sérgio Amorim (pintura a óleo sobre tela); Rosalvo Santana (santeria em cerâmica); Edvaldo Assis (pintura a óleo sobre tela); Osmar Gama (fotografia); André Fernandes (fotografia); Josmara Fregoneze (escultura em argila e resina); Yara Guedes (mosaico); Adinelson Filho (aquarela e nanquim); Luzimar Azevedo (pintura a óleo sobre tela); Izabel Andion (pintura a óleo sobre tela); Gustavo Maciel (pintura acrílico sobre tela).

Ainda estarão Samuel Cruz (trançado e papietagem); Advany Figueredo (pintura a óleo sobre tela); Magali Abreu (fotografia); Ary Bastos (pintura a óleo sobre tela); Margarita Arize (pintura a óleo sobre tela); Osmar Barreto (pintura a óleo sobre tela); Camila Carrera (fotografia); Thais Gabarron (pintura a óleo sobre tela); Tânia Amorim (pintura a óleo sobre tela); Tati Viana (escultura); Lira Gomes (poesia); Mabell Fontes (aquarela s/papel); Edmundo Reis (nanquim); Edna Caldas (fotografia); Ludmilla Castro (feltro bordado); Adrião Filho (artes visuais); Alessandro (escultura em metal).

Como parte do projeto Arte e Ancestralidade o jornalista e poeta Fernando Coelho irá publicar um livro-reportagem para contar a história da SPD e do seu fundador, o negro Manoel Victor Serra.

A exposição acontece durante o mês de novembro, como forma de trazer à reflexão a importância e reconhecimento dos descendentes de africanos na construção da sociedade brasileira, além de suscitar questões sobre racismo, discriminação, igualdade social, inclusão de negros na sociedade e a cultura afro-brasileira.

Seguindo o “Protocolo Setorial” da Prefeitura de Salvador, a mostra funciona com 75% da capacidade máxima para visitações simultâneas. Após a aferição de temperatura, o visitante pode explorar o vernissage, mantendo o distanciamento social de 1,5m, com a permanência de até 1h sob utilização de máscara protetora durante toda a exposição. A higienização do local é feita antes e após o encerramento do horário de visita.

SERVIÇO
No Mês da Consciência Negra, Associação Protetora dos Desvalidos (SPD) recebe o artista Sérgio Amorim em mostra coletiva inédita
Quando – De 1 a 30 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 09h às 11h30 e das 14h às 16h30, e aos sábados das 9 às 11h30.
Onde – Associação Protetora dos Desvalidos (SPD) – Largo do Cruzeiro de São Francisco, 17, Centro Histórico de Salvador.
Gratuito.

Para entrevistas e pautas, acesse o Instagram @arte_ancestralidade ou através do telefone 71 99198-6602 (Wandel Cerqueira | Assessoria CRIATIVOS)

Facebook Comments

Sobre Gildo Ramos Cunha

x

Check Also

Especial Dia da Consciência Negra

DESCRIÇÃO DO EVENTO O grupo de comediantes baianos se reúne em noite especial de stand-up ...

Com crochê, ateliê baiano desfilará pela primeira vez no São Paulo Fashion Week

Ateliê Mão de Mãe será um dos destaques no maior evento de moda do Brasil ...

Espaço de voz à diversidade, Colaboraê sedia o Ocupa 2021, com Silla Maria Filgueira

Idealizado pela CRIATIVOS, com apoio da Colaboraê, edição traz a mulher trans, estilista e modelista ...

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com