Psicóloga Camila Jardim mostra como descobrir se você é um depressor

Dê uma olhada na lista dos comportamentos “depressores” e veja se você se identifica com algum deles:

• Queixo-me continuamente sobre o quanto me sinto mal.
• Queixo-me das minhas dores.
• Queixo-me sobre como os outros me tratam injustamente.
• Tenho uma visão negativa do mundo em geral.
• Peço validação dos outros repetidamente.
• Rejeito a validação depois que o obtenho.
• Não retorno telefonemas, cartas ou e-mails.
• Cancelo planos com os amigos.
• Não inicio contatos com as pessoas.
• Não pergunto aos meus amigos como eles estão.
• Não elogio as pessoas.
• Faço cara feia e me afasto.

Agora, sejamos honestos. Todos nós já fizemos coisas assim. Somos humanos. Mas quando você se sente realmente deprimido, pode ir por um caminho que acaba deixando todos deprimidos. Você precisa dos seus amigos – e eles precisam de você –, mas queixar-se e ruminar constantemente sobre o que está errado em sua vida só vai fazer todos se sentirem pior. Ao dizer isso, não estou tentando fazer você se sentir pior consigo mesmo. Estou simplesmente sugerindo que pode mudar seu comportamento para ser mais recompensador para seus amigos.

Examinemos os tipos de pensamentos e sentimentos que podem se intrometer entre vocês. Não abandone as suas relações por causa de tudo isso, mas experimente o tratamento, saiba que uma escuta qualificada de um profissional de saúde mental fará toda a diferença para você.

Atenciosamente,

Psicóloga Camila Jardim
CRP 03/19074
Contato 73998341786
Instagram camilajardim.psi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *